High School Musical 3: Ano da Formatura

image

 

1, 2 e... 3. Foi outro dia que vi que High School Musical ia ser exibido na Globo. Não quis ver, afinal, era só um musical. Depois disso só via HSM pra cá e HSM pra lá. Que é isso afinal?!

 

Assim que assisti o musical Hairspray no começo do ano, os musicais ganharam um olhar diferente. De lá pra cá me aventurei a assistir Mamma Mia e os outros dois HSM só pra saber por que era tão cobiçado entre a criançada. O resultado foi bem satisfatório de uma coisa que pensei não dar em nada. É um musical feito principalmente para crianças e por quem entende de crianças. Não, não é a Xuxa, é da Disney mesmo. Disney, Walt Disney.

 

Neste terceiro filme, o tema passa a ser o Ano de Formatura. Seria o final da franquia HSM se não fosse o quanto a Disney já lucrou com as aventuras da galerinha do East High (o colégio do filme). Depois de dois filmes estudando e tirando férias, agora é hora de preparar a festa de formatura com direito a diploma. Claro que é criado mais um musical para dar fundo a grande parte das canções.

 

Ainda na direção é Kenny Ortega. Ele assina o cargo desde o primeiro filme feito para televisão, coisa que também aconteceu com o segundo. O diretor é o mesmo, o elenco é o mesmo, a história é a mesma e as músicas são inéditas. Desde o primeiro filme que a história é praticamente a mesma: Sharpay (Ashley Tisdale) e seu irmão Ryan (Lucas Grabeel) aprontam de tudo para deixar o casal Troy (Zac Efron) e Gabriella (Vanessa Hudgens) de fora dos musicais para que eles possam ser as estrelas e conseguirem a tão sonhada fama.

 

Apesar de usar a mesma fórmula de seus anteriores, High School Musical 3: Ano da Formatura é um entretenimento de primeira para a criançada que curtiu os outros dois filmes e aos pais que forem levar seus filhos ao cinema.